user_mobilelogo

João Paulo CostaTerminada que está a temporada futebolística de 2016, o momento é de balanço. Neste quesito, o técnico João Paulo Costa que orientou a equipa principal de futebol do Recreativo do Libolo fez um balanço positivo sobre a temporada de 2016.

Ouvido pela nossa fonte, um dia depois da conquista da Taça de Angola, o técnico português que chegou no princípio do ano passado pelas mãos do Recreativo do Libolo, disse: “O balanço é extremamente positivo, atendendo aquilo que foi o desempenho da equipa e o conjunto de condicionantes que a equipa teve ao longo da época, estou extremamente satisfeito pelo rendimento, como é lógico todos nós gostaríamos ter vencido o Girabola, mas não foi possível.

 Como me referi inicialmente estou muito satisfeito por aquilo que conseguimos conquistar, uma vez que abrimos a época a vencer a Super Taça e terminamos também a vencer a Taça de Angola. As condicionantes e as dificuldades criadas pelo actual contexto que o país vive foram superadas com sucesso, pelo carácter da equipa, pela sua competência, pelo seu empenho e, como costumo dizer, quando nós trabalhamos um grupo com compromisso, conseguimos chegar mais longe”.

Dizer que esta temporada, o Libolo nas quatro competições em que esteve envolvido, teve os seguintes dados:

Liga dos campeões: 4 jogos, 2 vitórias, 1 empate, 1 derrota, 9 golos marcados e 3 sofridos, foi eliminado na 2ª eliminatória pelo Al Ahly do Egipto;

Girabola: 30 jogos, 17 vitórias, 9 empates, 4 derrotas, 49 golos marcados, 26 sofridos, 60 pontos conquistados e terminou em 3º lugar;

Taça de Angola: 4 jogos, 4 vitórias, 0 empate, 0 derrota, 7 golos marcados, 3 sofridos e ficou em 1º lugar;

Super Taça: 1 jogo, 1 vitória, 0 empate, 0 derrota, 6 golos marcados, 0 sofrido e conquistou o 1º lugar.

No cômputo geral, realizou 39 jogos, ganhou 24, empatou 10, perdeu 5, marcou 71 golos e sofreu 32.

Texto: Jorge Jorge