user_mobilelogo

Siga-nos no Facebook

Fotos Destaque

Festicalulo 2017

Clique para ve a capa completaO escritor Soberano Canhanga vai lançar em Junho, na Lunda Sul, o livro de poemas Canções ao Vento. Em declarações ao Rede Angola, o autor explicou que a obra conta com 30 poemas escritos desde 2012.

Em Canções ao Vento, o escritor faz uma homenagem aos 40 anos de independência de Angola, tendo, por isso, o patrocínio do Governo da Lunda Sul. O livro estará à venda na Lunda Sul e em Luanda, os locais ainda estão a ser negociados.

“São poemas de circunstância mas vindos da profundeza da alma. São vivências próximas, distantes ou apenas imaginação captadas pelo olho atento de um amante da palavra (oral e escrita)”, afirmou Canhanga ao RA.

Com o selo da editora Odracir, o novo trabalho junta-se ao primeiro livro de poesia, 10 Encantos, lançado em 2010 – cujos poemas “Drama” e “Regresso Anunciado” foram traduzidos e publicados em romeno pela revista literária Horizont Literary Contemporary –, mas junta-se também aos romances O Sonho de Kaúia (2010), O Relógio do Velho Trinta (2014), e aos livros de contos Manongo-Nongo (2012), O Coleccionador de Pirilampos (2014). Este ano, textos de Soberano Canhanga integraram Entre o Sono e o Sonho – Antologia de Poesia Contemporânea, um projecto da Chiado Editora.

Soberano, pseudónimo do jornalista Luciano Canhanga, lança ainda este ano Amor Sem Pudor com a editora Rabugento.
 
Notícia publicada na Rede Angola